Publicado em 15 de janeiro de 2013 às 16:37

Nova área de imigração é inaugurada no aeroporto do Galeão

Foi inaugurada oficialmente nesta segunda-feira (14/1) a nova área de imigração do terminal 2 do Aeroporto Internacional do Rio de Janeiro/Galeão – Antonio Carlos Jobim (RJ). No local, a Infraero instalou quatro cabines, totalizando oito postos de atendimento, o que proporciona aos passageiros maior comodidade e rapidez na entrada no Brasil.

O espaço foi criado para o desembarque exclusivo de passageiros brasileiros, sendo acessível a portadores de deficiência física. A expectativa da Polícia Federal, órgão responsável pelo setor, é que essa nova estrutura reduza pela metade o tempo de imigração.

O superintendente Regional da Polícia Federal no Rio de Janeiro, Valmir Lemos de Oliveira, afirmou que com essa nova área será possível oferecer um melhor serviço aos brasileiros e estrangeiros. “Todos ganham com essa melhoria, Polícia Federal, Infraero, comunidade aeroportuária e os passageiros”, disse. Já o superintende Regional da Infraero no Rio, André Luis Marques de Barros, ressaltou que a medida trouxe mais agilidade ao processo de desembarque e conforto aos passageiros.

Nova área do terminal 2

Além da nova área de imigração, o Aeroporto do Galeão iniciou na quinta-feira (10/1) as operações da nova área do terminal de passageiros 2. Nesse espaço, passaram a atender as empresas American Airlines, Delta e TAAG.

A nova área conta com completa infraestrutura de atendimento aos passageiros, incluindo novos balcões de check-in, equipados com esteiras e monitores, sistema de ar-condicionado, totens de atendimento automático, bebedouros e um vídeo wall.

Desde novembro de 2011, a Infraero vem planejando essa mudança junto com as companhias aéreas. A American Airlines ganhou mais cinco balcões de check-in, passando a operar com 15, e a Delta ficou com nove balcões, dois a mais que no terminal 1. A Taag permaneceu com seus sete balcões. Além disso, foi disponibilizado aos passageiros um micro-ônibus para transporte entre os terminais. Os pontos de saída do veículo serão no setor B do terminal 1 e na área de expansão do terminal 2.

Assessoria de Imprensa – Infraero